"Em cada Casa uma Canção, em cada Canção uma Saudade"

EM NOITE DE LUAR
(Jose Barra Sobrinho)

Eu fiz esta canção
para poder cantar
em noites de seresta
e te dizer, então,
que no meu coração
uma esperança resta.
E também te diria,
envolto na magia,
da luz do teu olhar:
"Fiz pura e simplesmente
esta canção dolente,
para poder cantar
em noites de luar"

 

 

 

Imprima e Cante com os Seresteiros de Conservatória