"Em cada Casa uma Canção, em cada Canção uma Saudade"

NEGUE
(Adelino Moreira-Enzo de A. Passos)

Negue
o seu amor,
o seu carinho...
Diga que você
já me esqueceu...
Pise,
machucando com jeitinho,
este coração
que ainda é seu...
Diga
que o meu pranto
é corvadia,
mas, não se esqueça
que você
foi minha, um dia...

Diga
que já não me quer...
Negue
que me pertenceu...
Que eu mostro
a boca molhada,
e ainda marcada
pelo beijo seu.

 

 

Imprima e Cante com os Seresteiros de Conservatória