"Em cada Casa uma Canção, em cada Canção uma Saudade"
MUSEU SILVIO CALDAS, GUILHERME DE BRITO, GILBERTO ALVES E NELSON GONÇALVES

Este museu foi inaugurado no dia 27 de fevereiro de 2000, em parceria com a Prefeitura de Valença e a Secretaria de Turismo e Cultura.

Conservatória é um lugar onde se perpetua a Música Popular Brasileira e, por que não perpetuar também estes cantores, que levaram a nossa música para todos os cantos e vilarejos deste imenso Brasil. Vamos reconhecer o valor desses grandes artistas.

Em um grande salão estão fotos, roupas, reportagens, troféus e uma variedade de ítens envolvendo esses quatro artistas.

Este acervo foi cedido por:

Mirian Caldas (Esposa do Silvio Caldas)
Margarete (Filha do Nelson Gonçalves)
Cecília (amiga de Gilberto Alves).

O único museu feito de um artista vivo é o do Guilherme de Brito. Ele é um frequentador assíduo de Conservatória e, em um trecho, de uma de suas músicas, ele diz: "Se alguém quiser fazer por mim, que faça agora".

Por causa desta frase, Wolney Porto disse ao Guilherme que iria perpetuar seu trabalho e criar o múseu para que sua obra também fosse perpetuada.

Endereço: Rua Luiz Almeida Pinto, 44, centro - Conservatória.

Curador: Wolney Porto

Tel.: (xx24) 2438-1134